NeoCon 2019: design de olho no ser humano

Podemos não nos dar conta, mas a nossa percepção do espaço interno ou externo é tão intuitiva que é capaz de despertar sensações. Como já falamos por aqui, a maioria das nossas experiências no ambiente construído é inconsciente. 

O local em que você passa a maioria do seu tempo tem o poder de te alegrar ou deprimir, de te motivar ou paralisar, e quanto mais urgente se torna ressignificar a maneira como nos relacionamos com o espaço para melhorar essa interação, mais a arquitetura e o design se mobilizam para torná-lo cada vez mais humanizado.

De olho no movimento, a Neocon 2019, maior feira mundial para o mundo da arquitetura e design comerciais, chega em sua 51 edição com uma abordagem centrada no design humano. Entre os dias 10 e 12 de junho no The Mart, em Chicago, a plataforma reúne palestras, seminários, centenas de expositores com seus últimos lançamentos em produtos e serviços de diversas categorias, milhares de designers representando os mais variados mercados de interiores comerciais e diversas programações paralelas durante a semana. 

Na primeira keynote de hoje, Robin Standefer e Stephen Alesch, do nova-iorquino Roman and Williams Buildings and Interiors, falaram sobre como criam, há uma década, espaços que refletem a narrativa das pessoas que o ocupam sem deixar de lado a visão singular do casal na palestra “The Familiar and Unusual: An Investigation of Balance and Experience in Design”.

Amanhã (11), a apresentação-chave de abertura do evento fica com Ilse Crawford, fundadora do londrino Studioilse. Sob o tema “Stuff Matters: The Material World We Make”, a designer, acadêmica e diretora criativa conta como projetar ambientes capazes de restaurar o equilíbrio humano por meio do design centrado no desejo e nas necessidades básicas dos usuários.

No dia 12, “Do No Harm: The Role of Design in Complicated Times” é o tema de abertura da keynote de Liz Ogbu, fundadora e diretora do nova-iorquino Studio O. Em sua repertória, Liz é reconhecida por usar o design a favor de comunidades que precisam se alavancar para seguir crescendo sustentavelmente combinando metodologias de design centradas no ser humano.

Foto: cortesia/NeoCon 2019